As fontes solar e eólica corresponderam a 98% da capacidade de geração instalada adicional nos EUA, nos meses de janeiro e fevereiro de 2018. De acordo com o relatório Atualização da Infraestrutura Energética, da Comissão Federal de Regulação da Energia, a imensa maioria dos projetos nestes meses foram de energias renováveis.

Durante o período, 1568 MW de fontes eólicas e 565 MW de fonte solar foram colocadas em serviço, equanto apenas 40 MW de potência instalada para utilização de gás natural. Aparentemente, as recentes quedas nos preços nos preços de energia solar e eólica estão direcionando os novos projetos para bem longe dos combustíveis fósseis.

Ainda de acordo com o relatório, essa nova dominação das fontes de energia renovável continuará nos próximos anos. Cerca de 69% da nova capacidade instalada nos próximos três anos virá delas.

Neste mesmo período, 70 usinas de carvão, serão desativadas, retirando quase 15 MW de potência instalada oriondos dessa fonte. Os lobistas dessas indústrias tem tentado reverter esse cenário, mas parece que a mudança global em direção a energia mais limpa e mais barata é um caminho sem volta.